Leia as Histórias

Categoria - Nossos bairros, nossas vidas Minha adolescência no bairro de Santana (Zona Norte) Autor(a): Flávio José da Rocha - Conheça esse autor
História publicada em 25/01/2006
Que ótimo ter encontrado esse "CANTINHO DA SAUDADE", para rememorar a minha adolescência passada no bairro de Santana, onde morei na década de 40 na rua Duarte de Azevedo, nº93 (a casa ainda lá está) e na década de 50, na rua Olavo Egidio,nº754, (também ainda lá está). Tempos do
trenzinho da Cantareira, que ao passar jogava suas brasas da caldeira nos quintais das casas e queimava as roupas dependuradas nos varais...
Dos cinemas: HOLLYWOOD, construído em 1941 pela familia Bôrtolo, do COLON (mais tarde mudou o nome para VOGUE), do ORION,o chamado"poeira" porque quando passava os "seriados", a molecada batia os pés em seu assoalho e a poeira subia, pois era muito difícil ser varrido... todos
eles na rua Voluntários da Pátria, por onde passavam os bondes 42-OLA-VO EGIDIO e o 43-SANTANA, rua também onde havia os "footings" dos sábados à noite, onde moças e rapazes se flertavam, com os mais diversos pensamentos...dos Bares "DO LÉO", do "DELÍCIA", do BAR-BILHAR DO ZÉ, das PADARIAS POLAR e COMÉRCIO, do RESTAURANTE RECREIO, bem em frente à
MATRIZ DE SANTANA, das CASAS PERNAMBUCANAS, que tinha bem em frente um cocho, para matar a sede dos cavalos que puxavam as carroças...
Dos Carnavais, de rua e de salão, carnavais ainda ingênuos, com os seus lanças-perfume RHODO, tubos metálicos dourados, de fabricação da RHODIA, ainda liberados, pois poucas pessoas "cheiravam"... Do Grupo Escolar BUENOS AIRES, com seu Diretor, sr.Peter, onde fiz o meu primário, mais acima na rua Conselheiro Moreira de Barros o Grupo Escolar FRONTINO GUIMARÃES (todos grátis)... Do Externato Santana, do emérito PROFESSOR VALÉRIO GIULI, onde fiz meu curso de datilografia e de Contabilidade nos fins dos anos 40. Dos Ginásios PRUDENTE DE MORAIS e SALETE, esse construído em 1947, também pela família Bôrtolo, que tinha como Diretor o sr.ELVO BUGANO, e onde fiz meu secundário no curso noturno e nós alunos, deixávamos bilhetinhos no tinteiro da Cartei
ra, para as meninas do curso matutino e esperávamos a resposta à noite no mesmo local... Quase nunca ficávamos conhecendo uns aos outros... Do Colégio Santana (de Freiras), que ficava na Ladeira da rua Voluntários da Pátria, Colégio esse que era freqüentado apenas pelas "meninas da chamada elite santanense". Da PADARIA TROPICAL, onde quando da época da 2ªguerra mundial (1939/1945), para se comprar pão pela manhã formava-se fila, a partir das 22 horas, para ser atendido somente a partir das 5 horas...Quantas vezes, dormi nesta fila... eu e meus irmãos. Da Leiteria Léco, onde comprava-se leite, ainda em frascos de vidro de 1 litro, porem tinha-se que levar o litro ou um recipiente para ser colocado o leite. Dos "Empórios": AFACOS, do sr.Dutra, do
do sr.CORREIA, do "TATUIANO", do SR.COUTINHO (português), todos os 4 onde nos forneciam os mantimentos com a "CADERNETA MENSAL". Das figuras folclóricas, como a do WALTER (o bailarino), motorneiro do bonde 42- assim chamado porque cantava e dançava enquanto dirigia o bonde...
do CABO LUPERCIO (da Aeronáutica), que tomou vários tiros, durante um comício político, em frente à Matriz e não morreu... infringiu todas as Leis, foi preso, foi solto e sumiu... do VINGADOR, que tinha a sua Banca de Jornais e Revistas, do CAÚCA, que tinha "sua turma" de arruaças e acabou sendo assassinado em um Bar-Bilhar, no bairro da Ponte Pequena, na década de 50. Dos "times de futebol" EMISSORAS E RIVER PLATE, esse, com camisa branca, com faixa diagonal vermelha (igual a
dos nossos "hermanos argentinos"). O bairro de Santana, forneceu alguns "craques", para o profissionalismo, como os irmãos FURLAN, o DIDI, foi ala no São Paulo F.C. e seu irmão FURLAN, foi goleiro do Nacional e do Palmeiras. O CLÉLIO, que foi zagueiro, o ARLINDO, que foi ala, ambos do São Paulo F.C., o SALVADOR, que foi zagueiro do Palmeiras e o TILE (GENTILE), que jogou até na França, seus pais eram os proprietários da Padaria do Comercio. QUANTA SAUDADE... Hoje estou
morando em Recife (já há 32 anos) e se alguém quiser se comunicar, meus telefones são: 0xx81-3466-0249- fonefax e 0xx81-3467-4769 e meu Email é flaviojrocha@bol.com.br. Em outra ocasião escreverei sobre "bailes" especialmente no SINDICATO DOS BANCÁRIOS, que ficava no 7ºandar do Prédio Martineli, todos os domingos à tarde... Obrigado pela leitura e espero que tenham gostado... Escrevam também... faz bem pra alma

TCHAU... ATÉ A PRÓXIMA E OBRIGADUUUUUU E-mail: flaviojrocha@bol.com.br.
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 19/04/2013 Olá Flávio , morei no Chora Menino até 6 anos de idade , lembro apenas que morei perto de um córrego e tinha uma igreja muito grande lá perto , logo depois mudei para o bairro do Parí , mas tenho muitas saudades de lá , pois brincava muito nos campinhos de bola , se voce tiver alguma foto da decada de 60 , gostaria muito de velas , um grande abraço , hoje tenho 52 anos , foi uma época muito boa . Enviado por José Antonio Rezende - rezende1960@yahoo.com.br
Publicado em 04/04/2013 to ate e mocionada, sera que vc jogo bola com meus irmaos idaumo(dal) ou robson (o pele) gostaria de saber noticias de um amigo o meca tenho muita saudades de todos eu morava na rua esmael neri Enviado por lindaura - vally35.vn@gmail.com
Publicado em 05/03/2013 Neyde, obrigado pelo seu comentário (aliás publicado 4 vezes...rsrsrsrs) para "matar" suas saudades, enviei várias fotos do bairro, para o seu email.Não sei se o recebeu !!! - Abraços - Flavio Rocha Enviado por Flavio Rocha - flaviojrocha@bol.com.br
Publicado em 28/02/2013 Flavio,hoje procurando lembranças do antigo bairro de Santana,encontrei seu documentário que onde trouxe-me grandes lembranças,como o Externato Santana do Prof. Valério Giuli onde também estudei mas foi em 49 e do grupo Buenos Aires que fiz meu 1º ano os restante na Freguesia do Ó,depois voltei para Santana,Casas Pernambucanas existe até hoje,a Polar também e outros tantos,mas tudo muito mudado,o Cine Vogue foi fechado e o Hollywood foi inaugurado mais pra cima na quadra acima da Matriz de Santana,hoje é um shoping,eu morava na travessa da rua Marechal Hermes da Fonseca que saia enfrente ao CPOR(Quartel) até hoje etá lá com seus estudantes,continuo na zona norte ao lado oposto da rua Voluntários da Pátria,hoje quem vê Santana não conhece mais, muitos progressos,inclusive o metrô e a demolição da Penitenciaria do Carandirú,hoje lá é o parque da juventude,só existe o presidío feminino.
Fico por aqui e tive grande prazer de relembrar nosso bairro antigo, onde muitas coisas não lembrava.
Enviado por Neyde Pontes - amordemae3@hotmail.com
Publicado em 28/02/2013 Flavio,hoje procurando lembranças do antigo bairro de Santana,encontrei seu documentário que onde trouxe-me grandes lembranças,como o Externato Santana do Prof. Valério Giuli onde também estudei mas foi em 49 e do grupo Buenos Aires que fiz meu 1º ano os restante na Freguesia do Ó,depois voltei para Santana,Casas Pernambucanas existe até hoje,a Polar também e outros tantos,mas tudo muito mudado,o Cine Vogue foi fechado e o Hollywood foi inaugurado mais pra cima na quadra acima da Matriz de Santana,hoje é um shoping,eu morava na travessa da rua Marechal Hermes da Fonseca que saia enfrente ao CPOR(Quartel) até hoje etá lá com seus estudantes,continuo na zona norte ao lado oposto da rua Voluntários da Pátria,hoje quem vê Santana não conhece mais, muitos progressos,inclusive o metrô e a demolição da Penitenciaria do Carandirú,hoje lá é o parque da juventude,só existe o presidío feminino.
Fico por aqui e tive grande prazer de relembrar nosso bairro antigo, onde muitas coisas não lembrava.
Enviado por Neyde Pontes - amordemae3@hotmail.com
Publicado em 28/02/2013 Flavio,hoje procurando lembranças do antigo bairro de Santana,encontrei seu documentário que onde trouxe-me grandes lembranças,como o Externato Santana do Prof. Valério Giuli onde também estudei mas foi em 49 e do grupo Buenos Aires que fiz meu 1º ano os restante na Freguesia do Ó,depois voltei para Santana,Casas Pernambucanas existe até hoje,a Polar também e outros tantos,mas tudo muito mudado,o Cine Vogue foi fechado e o Hollywood foi inaugurado mais pra cima na quadra acima da Matriz de Santana,hoje é um shoping,eu morava na travessa da rua Marechal Hermes da Fonseca que saia enfrente ao CPOR(Quartel) até hoje etá lá com seus estudantes,continuo na zona norte ao lado oposto da rua Voluntários da Pátria,hoje quem vê Santana não conhece mais, muitos progressos,inclusive o metrô e a demolição da Penitenciaria do Carandirú,hoje lá é o parque da juventude,só existe o presidío feminino.
Fico por aqui e tive grande prazer de relembrar nosso bairro antigo, onde muitas coisas não lembrava.
Enviado por Neyde Pontes - amordemae3@hotmail.com
Publicado em 28/02/2013 Flavio,hoje procurando lembranças do antigo bairro de Santana,encontrei seu documentário que onde trouxe-me grandes lembranças,como o Externato Santana do Prof. Valério Giuli onde também estudei mas foi em 49 e do grupo Buenos Aires que fiz meu 1º ano os restante na Freguesia do Ó,depois voltei para Santana,Casas Pernambucanas existe até hoje,a Polar também e outros tantos,mas tudo muito mudado,o Cine Vogue foi fechado e o Hollywood foi inaugurado mais pra cima na quadra acima da Matriz de Santana,hoje é um shoping,eu morava na travessa da rua Marechal Hermes da Fonseca que saia enfrente ao CPOR(Quartel) até hoje etá lá com seus estudantes,continuo na zona norte ao lado oposto da rua Voluntários da Pátria,hoje quem vê Santana não conhece mais, muitos progressos,inclusive o metrô e a demolição da Penitenciaria do Carandirú,hoje lá é o parque da juventude,só existe o presidío feminino.
Fico por aqui e tive grande prazer de relembrar nosso bairro antigo, onde muitas coisas não lembrava.
Enviado por Neyde Pontes - amordemae3@hotmail.com
Publicado em 07/01/2013 Flávio e hortodasoliveiras@uol.com.br, falaram dem santana...das ruas..legal!!! O que me cgamou a atenção foi a história do LUPÉRCIO o dos mais antigos detgentosdo carandiru...vcs lembram quando ele morreu?
abçs parabéns pelas histórias.
zenaldo zenaldopersou@ig.com.br
Enviado por zenaldo - zenaldopersou@ig.com.br
Publicado em 27/11/2012 Caro Guilherme, obrigado por me "rejuvenescer" (pelo menos na idade)pois já vão bem longe meus 60 "aninhos", pois já estou com 74... porém fiquei feliz pelo seu contato... rua Pero Leme!!!! se não estou enganado (pois já estou fora de São Paulo há mais de 30 anos) esta rua começa em uma "pracinha" de nome "Vaz de alguma coisa" e fica acima da rua Conselheiro Saraiva, justamente no chamado Mirante... eu era proprietário de um apartamento na rua Cons.Saraiva, (acho que o numero é 635) que fica quase em uma pracinha que sobe para a rua Condessa Siciliano, no Mirante e que vai até a Pracinha Vaz (?) e a rua que você morou...de fato como escreví, fiz o curso ginasial no Colegio Salete (com o Professor e Diretor Helvio Bugano) fiz Contabilidade no Externato Santana (com o emérito Professor Valério Giuli) e conhecí muito o Ginasio Prudente de Morais, porém nunca lá estudei...como tenho 14 anos a mais que você, todos os nomes de seus colegas e amigos citados, não os conheci, a não ser lógico o Ayrton Senna...Saí de Santana, onde morei em várias ruas até quando casei em 1955, porém logo depois voltei (em 1958) quando morei na rua Jovita... saindo definitamente de Santana em 1961, porém sempre que vou à São Paulo, não deixo de lá ir, procurando sempre encontrar amigos daquele tempo, porém como a vida tem seu caminho, a maioria já se foi...Abraços do colega de bairro - Flavio Rocha Enviado por jose maria isaac narciso - j.mnarciso@ig.com.br
Publicado em 27/11/2012 Caros Airton e Juca: Airton, o "meu bairro" de Santama, nunca teve este "apelido" de Texas, e de fato
o Sergio Reis em 1959 estava na Chantecler, porém somente em 1960 gravou o seu primeiro disco
(78 rotações)...Juca, o primeiro disco por ele gravado não foi "Lana" e sim o bolero "Enganadora" e
no outro lado, "Será"...em 1960 e aí sim em 1961, gravou "Lana" com o outro lado, "Porque sou bobo assim".
..a fabrica de papelão na "Debieux" não era dos seus Pais (Erico Bavini e Clara Reis) era do seu avô.
Agora, Juca... o Airton, "jura de pés juntos" que "havia" um bonde que passava pela av.Cruzeiro do Sul
no ano de 1955, defronte ao G.E.Buenos Aires, que, no qual êle inclusive andava...você lembra disso ????
ou não é de sua época ??? eu sinceramente morei 30 anos no bairro (1941/1970) e nunca ví "tal bonde".
..rsrsrsrsrs - abraços - Flavio Rocha

[ Enviado em 16/01/2012 por Flavio Rocha - flaviojrocha@bol.com.br ]
Enviado por jose maria isaac narciso - j.mnarciso@ig.com.br