Leia as Histórias

Categoria - Outras histórias São Paulo da garoa Autor(a): Vilton Giglio - Conheça esse autor
História publicada em 27/04/2009

Há estigmas que dificilmente são esquecidos, pois durante um período da minha vida ouvia falarem: "é São Paulo da garoa". Realmente tínhamos e muito aquela garoa fina em Sampa, que nos deixava muito molhados, principalmente ao cair das tardes.

Durante minhas viagens nunca gostei quando ouvia isso, afinal morava em Sampa; às vezes retrucava, outras não, dependia da pessoa que dizia isso. Há até uma música em referência a São Paulo da garoa: "eeeee São Paulo, São Paulo da garoa, São Paulo terra boa". Que letra linda, dá licença, e ainda falavam mal.

Outro dia estava ouvindo uma professora de auto nível intelectual da USP falando sobre as mudanças climáticas em geral, falou sobre a garoa de Sampa, que é melhor termos essa garoa constantemente, porque a terra absorve melhor a umidade, e outros detalhes técnicos muito importantes para sabermos. Então hoje nos faz muita falta a garoa, temos muitas chuvas com volume de água caindo de uma só vez, causando enchentes, desabamentos, afogamentos etc.

Há muitos anos não temos mais essa garoa em Sampa.

Será que num futuro teremos São Paulo das enchentes? Mas isso passa, afinal todos nós envelhecemos, com nossos defeitos, qualidades, amores, tristezas, alegrias, mas São Paulo nunca deixaremos de amar, com certeza.

e-mail do autor: viltongiglio@hotmail.com

Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 24/01/2010 Sou mineiro, e estou há mais de trinta anos em São Paulo, só tenho uma coisa para dizer a todos os Pulistanos e Paulistas: muito, mas muito obrigado mesmo São Paulo por tudo que voce me proporcionou.Você, São Paulo, já nasceu grande.....Feliz aniversário. Enviado por vanderlei G de Oliveira - vanderleigy@hotmail.com
Publicado em 27/05/2009 Prezado Vilton,
Esta semana mesmo estava comentando sobre aquela garoa fina que caía todo final de tarde de outono e inverno em São Paulo. Dava atá para saber as horas, pois era inevitável um final de taarde sem garoa.
Abraços

Ivan
Enviado por Ivan Jubert Guimarães - ivanjug@uol.com.br
Publicado em 07/05/2009 Olá Vilton, acredite, tem alguns bairros que ainda podemos, de vez em quando, presenciar a queda da garoa. Gostei de sua narrativa. Um grande abraço. asciudeme Enviado por asciudeme joubert - asciudeme@ig.com.br
Publicado em 28/04/2009 A ultima garou que eu vi em sampa, foi em 1965 em novenbro mês que atecede o verão. Depois desse dia não me lembro mais. O seu texto é de numero 3005. Isso porque o meu era 2999. Então pela ordem o de numero 3.000 e o do Natale. Enviado por Mario Lopomo - mlopomo@uol.com.br
Publicado em 28/04/2009 A velha garoa paulistana era um espargir de frescor ao frenesi de nossa metrópole. Hoje, os torrenciais temporais escaldam o calor das almas, congelando os ânimos com suas inundações e enchentes. Sinais dos tempos. Não se esqueça da capa, guarda-chuva e um bom par de galochas.
Abração, amigo.
Enviado por nelson de assis - nel.som55@yahoo.com.br
Publicado em 27/04/2009 Giglio, a garoa sumiu por causa do desmatamento desenfreado que ocorre em Sampa. Sinais dos tempos, desaparece a garoa fica a nostalgia. Parabéns, Vilton.
Modesto
Enviado por Modesto Laruccia - modesto.laruccia@terra.com.br
Publicado em 27/04/2009 Prezado Vilton, o clima vai mudando e a culpa é do homem que recobriu a terra de asfalto e concreto. Virou um forno de padaria. O que não muda é o nosso amor incondicional pela cidade natal. Bernardi. Enviado por Ernesto Bernardi - ernestob1144@gmail.com
Publicado em 27/04/2009 Vilton, há muitos anos sinto falta da garoa da nossa São Paulo. Quando pego alguma garoinha aqui em Florianópolis eu logo me lembro que goria era patrimônio nosso de tempos atrás. Um grande abraço, Vera Moratta. Enviado por Vera Moratta - vmoratta@terra.com.br
Publicado em 27/04/2009 Vilton, que pena que a velha garoa já não existe mais em nossa cidade mas, apesar de tudo São Paulo é parte integrante de nossas vidas, abraços, Leonello Tesser (Nelinho). Enviado por Leonello Tesser (Nelinho) - lt.ltesser@hotmail.com
Publicado em 26/04/2009 VILTON, COM GAROA, OU COM ENCHENTE SÂO PAULO,
TERRA BÔA. VALEU UM ABRAÇO.
Enviado por joao claudio capasso - jccapasso@hotmail.com
« Anterior 1 2 Próxima »