Leia as Histórias

Categoria - Outras histórias Terra do Sempre Autor(a): Alvaro Glerean - Conheça esse autor
História publicada em 07/03/2012
Creio que todos nós, em maior ou menor grau, temos, lá no fundo do nosso ser, a dádiva de continuarmos como crianças. Se alguém duvidar ou tiver vergonha de admitir tal afirmação, tente libertar essa dádiva e verá que isso só nos faz crescer. Embora seja algo paradoxal, essa atitude nos proporciona alegria e nos deixa com o coração aberto, isento de maldades.

Em nossas mentes ficam armazenadas todas as lembranças felizes e também as mais tristes. É fundamental cultivar e reviver a felicidade, bem como a tentativa de sepultar para sempre os momentos infelizes.

Ficam também registrados os momentos de “faz de conta” como as peças de teatro e, principalmente, os filmes que assistimos no cinema durante nossa existência. Alguns destes nos marcam de tal modo que sentimos às vezes vontade, ou mesmo necessidade de revê-los com o mesmo estado de espírito da primeira vez, e cada vez os admiramos mais.

Eu, pessoalmente, cultivo muito os filmes de arte e drama bem realizados e confesso,sem nenhuma vergonha, que tenho especial afinidade por filmes destinados às primeiras idades, por razão que desconheço, mas agradeço. Esta semana revi um filme que tem por título "Em busca da Terra do Nunca", destinado à infância, mas também a todo adulto sensível. Claro que o assisti com emoção, principalmente o seu desfecho.

Essa introdução é para justificar a ideia que tive de associar o site São Paulo minha Cidade a essas impressões. Isso porque já tive a felicidade de ver publicado nele algumas historietas de minha autoria, mas também porque toda a vez que ligo o computador faço questão de ler as histórias publicadas.

Talvez guiado pela fantasia eu daria a este site o apelido de "Em busca da Terra do Sempre". É nele que todos que o buscamos procuramos também buscar a comunicação com outras pessoas também sensíveis,também em busca do convívio salutar e do amor ao próximo.

A satisfação de ver a história publicada não só agrada nosso “Eu” como também nos dá a certeza que outras pesoas estão compartilhando conosco a alegria ou a tristeza contida na narrativa.

Não sei se a razão da criação deste site visava tal fim, mas quem assim agiu deve estar certo de que atingiu o objetivo. Basta ver o número de histórias publicadas.

Vivemos, como se costuma dizer, em uma selva de pedra. Talvez... Mas de qualquer modo temos a satisfação de termos neste prestigioso endereço a esperança de atingir a Terra do Sempre, onde todos os nossos momentos felizes estarão nos esperando em um futuro inexorável, graças à eternização provocada por este espaço.

Experimentem! Não importa a idade. É maravilhoso voltar à infancia, não importa quão longe ela esteja. Redescobrimos assim o prazer da ingenuidade autêntica e a visão do mundo sem preconceitos.

Vida eterna a este site.


E-mail: alvarogle@terra.com.br E-mail: alvarogle@terra.com.br
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 08/03/2012 Bela narrativa sobre a memória da infância,que nos acompanha,também sobre os filmes,o registro de histórias no Site e outras significativas reflexões.Parabéns pelo texto! Enviado por Ana Maris de Figueiredo Ribeiro - anamarisribeiro@ig.com.br
Publicado em 07/03/2012 Alvaro, como é bom ler e aprender com os textos publicados e assim fazer novas amizades através deste site. Felicidades! Niderce Teresa Enviado por Niderce Teresa - niderceteresa@bol.com.br
Publicado em 06/03/2012 Verdade Alvaro, parabéns por captar nosso interior. Digo nosso, pois creio que a maioria aqui gosta de se comunicar c/ o mundo e esse site conseguiu pelo menos que a gente se comunique c/ várias pessoas que gostam de escrever. Foi o meu caso. Abraço e continue escrevendo. Enviado por Wanda Tiezzi - wandatiezzi@hotmail.com
Publicado em 06/03/2012 Perfeito, assino embaixo.
Aproveito para citar uma frase da qual desconheço o autor: "porque a infância é condição da existência humana."
Abraços
Enviado por Cida Micossi - cida.micossi@gmail.com
« Anterior 1 Próxima »