Leia as Histórias

Categoria - Personagens A grande cidade Autor(a): Ana Regina Carnevalli Parra - Conheça esse autor
História publicada em 04/02/2013
Nasceu no mato,
lugar que agora só mora macaco.
O povo não tem mais aquela coragem,
só quer mesmo trabalhar na cidade.

A vida da paraibana não foi fácil,
desde os sete anos na roça
plantava milho e feijão.

Com a família toda trabalhando, irmãos, mãe e pai, naquela terra árida.
O dia inteiro no Sol, com os pés descalços e roupa feita de saco.
Cortava mato e num maço, às vezes,escondida uma cobra, susto e intervenção do pai.

O almoço era no clarão
com Sol a pino.
A recompensa eram os produtos colhidos:
melancia, mandioca, milho, arroz,
batata doce que cansou de plantar as ramas.

Vida dura de outros tempos.
Hoje está aqui na cidade de São Paulo.
Trabalha e cuida dos filhos, constrói a sua moradia.

Traz a coragem do pai para enfrentar
todo dia o grande desafio;
viver e conviver nesta grande cidade
que abriga pessoas de todo o Brasil.


E-mail: arcparra@ig.com.br
E-mail: arcparra@ig.com.br
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 04/02/2013 Lindo! Seus versos mostram que São Paulo sempre acolhe aqueles que tem iniciativa deprendimento e desejo de uma vida melhor.
Abraços Julia.
Enviado por Julia - gibajuba@yahoo.com.br
Publicado em 03/02/2013 Ana Regina, estamos novamente diante de mais um dos seus belos, exclusivos e sempre muito apreciados poemas, Parabéns. Enviado por Arthur Miranda - 27.miranda@gmail.com
Publicado em 03/02/2013 Senti emoção! Uma história de vida. Enviado por Marlene Maria Silva - arcparra@ig.com.br
Publicado em 03/02/2013 Ana, não é fácil, viver nem lá nem cá. Nos dois casos é preciso de coragem e força para enfrentar os desafios. São Paulo está aqui para te acolher. Um abraço. Enviado por margarida peramezza - margaridaperamezza@gmail.com
« Anterior 1 Próxima »