Leia as Histórias

Categoria - Outras histórias 1955 - Minha refeição preferida Autor(a): Lea Carvalho - Conheça esse autor
História publicada em 21/03/2013
Meu pai, Armênio de Carvalho, hoje com 79 anos, conta como era bom chegar de bonde na esquina da Avenida Ipiranga e fazer suas refeições rápidas no balcão do Salada Paulista. Gostava dos pratos prontos e lanches, além de outros...

Hoje moramos em outra cidade, já há 33 anos, mas ele não se esquece desses velhos e bons tempos!

Frequentava também o Cine Marabá e Cine Ipiranga. Quando meus pais se conheceram, ele levou minha mãe para comer esses pratos. Fez parte da vida dos meus pais. E ele ainda sente muitas saudades dessa época.


E-mail: carvalholea@yahoo.com.br
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 25/03/2013 Sra.Carvalho, o centro é muito difícil de esquecer. Nem o Caetano Veloso esqueceu da esquina da Ipiranga com a São João, não é mesmo? Bernardi. Enviado por Ernesto Bernardi - ernestob1144@gmail.com
Publicado em 25/03/2013 Comecei a minha vida de trabalhador no Largo do Paiçandu e tive a oportunidade de degustar vários pratos de arroz com bife, no Giratório. Quando tinha mais grana pedia um prato "mais caro", onde também vinha feijão, fritas ou o tradicional zoiúdo. Enviado por Tony Silva - silva.luiz2006@ig.com.br
Publicado em 24/03/2013 Lea, quem viveu em São Paulo, sempre terá alguma lembrança boa para recordar... Abraço Célia Enviado por Regina Célia de Carvalho Simonato - rccsimonato@hotmail.com
Publicado em 24/03/2013 Lea, seja muito bem-vinda ao site, que é extraordinário. Escreva mas, menina. O seu texto está ótimo, mas espero a continuação. Abraços. Enviado por Vera Moratta - vmoratta@terra.com.br
Publicado em 24/03/2013 Tá na hora do seu pai dar um pulinho em São Paulo para matar as saudades,acho que ele deve ser aposentado,então merece voltar e passear nos lugares que ele tanto gostava... Enviado por walquiria rocha machado - walquiriarocha@yahoo.com.br
Publicado em 24/03/2013 Cara Léa.
Sessentão que sou comi também no Salada Paulista da São João.
Parodiando o Juvenal, jamais esqueci do "Restaurante Giratório" que ficava numa travessinha do Largo Paissandu, onde o prato que dava para comer era o famoso "Arroz com dois ovos".
Tempos de Ofice Boy e com a dureza, só dava para os dois zoiudos com arroz. Tinha sobremesa que não me lembro qual era mas, era grátis.
O legal é que ficava girando bem devagar e quando chegava quase na porta já tinhamos degustado o delicioso prato.
Parabéns amiga pela lembrança.
Waldevir - Vie do Site dos Boleiros da Água Rasa.
E-mail: boleirosdaaguarasa@gmail.com
Enviado por waldevir bernardo - historiadaaguarasa@gmail.com
Publicado em 22/03/2013 Salada Paulista era tudo de bom. Enviado por Benedita Alves dos Anjos - dosanjos81@gmail.com
Publicado em 22/03/2013 Lea Carvalho - legal essas refeições nesse ano de 1955 - Nesse ano fiz a minha primeira comunhão, e recebi o corpo e o sangue de Cristo. Bonitas recordações ... Forte abraço . Enviado por José Aureliano Oliveira - joseaurelianooliveira.aureliano@yahoo.com.br
Publicado em 22/03/2013 Tambem comi muito no Salada Paulista e no Giratório. Bons tempos! Enviado por juvenal cardoso - jucabala@hotmail.com
Publicado em 21/03/2013 Lea, São Paulo é assim quem viveu aqui não a esquece jamais. Um abraço. Enviado por margarida peramezza - margaridaperamezza@gmail.com
« Anterior 1 Próxima »