Leia as Histórias

Categoria - Outras histórias Fim do mundo! Autor(a): verinha - Conheça esse autor
História publicada em 23/01/2015
Enquanto olhava meu álbum de fotografias, me lembrei de quando ainda eu era só uma criança, e ouvi falar do fim do mundo.
 
Para mim, não tinha sentido algum, de modo que não me interessava nem o seu começo nem o seu fim.
 
Lembro-me, vagamente, de umas mulheres nervosas, que choravam, falavam de um tal cometa que andava pelo céu, e que mataria a todos quando caísse na terra.
 
Mas, numa noite, acordei com os cochichos de uma senhora espanhola, Dona Josefina, da rua onde morávamos, que falava da força do temível cometa.
 
Aquilo que até então não era de meu interesse, que nem vencia a preguiça dos meus olhos, pareceu-me, de repente, maravilhoso!
 
Era um pavão branco que caminhava pela noite sozinho ao encontro da sua festa?
 
Gostei muito do cometa. Devia sempre haver um cometa no céu, como há lua, sol e estrelas.
 
Por que as pessoas andavam tão apavoradas?
 
A mim não me causava medo nenhum.
 
Ora, o cometa desapareceu. Aqueles que o temiam, ficaram mudos. O mundo não se acabou, talvez tenha ficado um pouco triste; mas que importância tem a tristeza das crianças?
 
Passou-se muito tempo...
 
Aprendi muitas coisas, entre as quais, o suposto sentido do mundo. Não duvido que o mundo tenha sentido e que muitos cometas e fins do mundo ainda virão.
 
Deve ter mesmo muitos, inúmeros pois, ao meu redor, as pessoas mais ilustres e sábias fazem cada coisa, que bem se vê haver um sentido do mundo peculiar a cada um.
 
Dizem que o mundo termina no ano dois mil, ninguém fala em cometa. É pena, pois eu gostaria de tornar a ver um, para verificar se a lembrança que conservo desta imagem do céu é verdadeira ou inventada pelo sono e os meus olhos, naquela já tão antiga noite.
 
Se o mundo vai acabar? Não sei, mas, certamente saberemos qual era o seu verdadeiro sentido.
 
Se valeu alguns trabalharem tanto, e outros tão pouco!
 
Por que uns foram tão sinceros, enquanto outros foram tão hipócritas, tão falsos, ou tão leais?
 
Por que pensamos tanto nos outros ou só em nós mesmos? Por que fizemos votos de pobreza ou de riqueza?
 
Porque pedindo a Deus, dono de todos os mundos, que trate com benignidade as criaturas que se preparam para encerrar a sua carreira mortal, teremos resposta para tudo.
 
Há mesmo alguns místicos, segundo li, que, na Índia, lançam flores ao fogo, num rito de adoração.
 
Enquanto isso, os planetas, nos lugares que lhe competem, na ordem do universo, neste universo de mistérios a que estamos ligados e no qual, por vezes, arrogamos posição que não temos, insignificantes que somos, na tremenda grandiosidade total, seguem sua ordem natural.
 
Há algum tempo para reflexão, arrependimento e melhoras: o ano dois mil chegou e não houve fim do mundo!
 
Mas, todos nós, um dia, teremos o nosso fim do mundo, com ou sem cometas!
 
E-mail: veranadal@yahoo.com.br
Localização da história
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 08/02/2015

Nelinho obrigada!!

Marquezin também não creio que goiás,seja solução para fim do mundo!!!

Laruccia o fim do mundo tem muitos mistérios!!

Julia acredito que temos que nos preocuparmos com nosso presente,e não 2040!!!

Aureliano acho que estas palavras santas devem ser ditas sempre!!

Estanislau devemos ter respeito pela natureza e vida nela contida sempre!!

Walquiria precisamos acreditar no homem,ter fé em Deus ,assim a solução virá!!!

Enviado por verinha - veranadal@yahoo.com.br
Publicado em 31/01/2015

Verinha, gostei muito dos seus comentários a respeito do cometa, o mundo não acabou em 2.000 como temiam os pessimistas, mas você tem razão,é hora de reflexão, parabén pelo texto.

Enviado por Nelinho - lt.ltesser@hotmail.com
Publicado em 29/01/2015

É, Verinha, quantos absurdo não temos visto e ouvido falar com noticias do fim do mundo,tenho amigos que até já pensaram em se mudar p/ a região de Goiaz pois lá dizem que estarão mais protegidos, não creio nisso nosso fim aqui na terra é quando passamos p/ o lado espiritual, mas este aqui continua firme e forte, dando a todos nós oportunidades inumeras de melhoras tanto material quanto espiritual,deste lado sei que todos nós temos inumeras oportunidades,é só lutar para isso, do outro lado sómente posso garantir que Deus nunca irá nos desamparar.

Parabens, Verinha, na foto vc. está uma graça. Marquezin

Enviado por João Marquezin - joaomarquezin@yahoo.com.br
Publicado em 26/01/2015

Uma crônica sobre o tão falado "fim do mundo" com sabor bem diferente, um toque infantil porem, com sabedoria e conhecimento das vicissitudes da vida e seus mistérios.Parabéns, Verinha.

Modesto

Enviado por Modesto Laruccia - modesto.laruccia@hotmail.com
Publicado em 24/01/2015

Agora estão dizendo que em 2040 toda a humanidade estará extinta, e pelo andar da carruagem, viveremos um grande caos antes disso acontecer, haja visto esta seca implacável e os nossos resevatórios que continua baixando seu nível.

Creio na Bíblia que diz que ninguém nem os anjos sabem quando será o fim, mas afirma que esse fim está próximo.

Enviado por Julia Poggetti Fernandes Gil - gibajuba@yahoo.com.br
Publicado em 24/01/2015

Alem desse cometa Verinha acredito que na época o que mais nós temíamos era a briga ente EUA e a RÚSSIA com suas bombas atômicas. Diziam para nos ainda garotos que tinha um telefone vermelho, que assim que o presidente atendesse, era só apertar um botão e pummmmm. Eram nossos medos de criança. Aprendi com um Padre na minha infância que qualquer comentário sobre o mundo acabar era para que eu no final das minhas orações que dissesse " Pai seja feita a tua vontade " Cheguei aos 70 anos o cometa foi embora e o telefone não tocou - Risos - Forte abraço ...

Enviado por José Aureliano Oliveira - joseaurelianooliveira.aureliano@yahoo.com.br
Publicado em 23/01/2015

Vera, há muito mais mistério nessa imensidão, que cada um interpreta como quer e os mais atrevidos assustam os mais crentes, mas volta e meio torna-se a falar no fim do mundo, mas por abuso do homem na natureza, gostei do que narrou, parabéns,Estan.

Enviado por Estanislau Rybczynski - estan_tec@hotmail.com
Publicado em 23/01/2015

Depois de um longo tempo afastada você volta com um assunto tão atual e tão antigo ao mesmo tempo Antigo porque a mídia e o povo esqueceu um pouco estas histórias de cometas extras terrestres fim do mundo etc... etc...tão saborosas de se comentar, mas que hoje em dia por conta do caus em que vivemos da falta de água de luz e o absurdo aumento dos preços e taxas de tudo faz com que o cidadão so fale nisso só pense nisso... O comprimento de quem passa por alguém é :Bom dia,será que vai chover???Boa tarde você viu a chuva que caiu inundou tudo,mas nem chegou perto das represas...e assim por diante.

Agora começo a achar que o fim do mundo está próximo...quase acabaram com o planeta...e começo a ver que o povo não aprendeu nada...

Enviado por Walquiria - walquiriarocha@yahoo.com.br
« Anterior 1 Próxima »